R E L V A D O T U G A • FUTEBOL TOTAL
Bem-vindo ao Fórum Relvadotuga.com. Entra já para esta comunidade Regista-te!

Jornal Nacional

Página 11 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 10.02.09 5:34

Reciclagem: Volume reciclado em Portugal cresceu 12,3%



O volume de produtos reciclados em Portugal atingiu 2,6 milhões de toneladas em 2008, mais 12,3 por cento do que no ano anterior, com o valor das vendas do sector a atingir os 604 milhões de euros.
Segundo um estudo da consultora DBK, o aumento do volume de vendas deveu-se, em parte, ao aumento dos preços dos vários mercados, especialmente do de produtos metálicos.

Os resultados de 2008 consolidam a tendência de «notável crescimento» dos últimos anos, num «contexto de crescentes exigências legais em matéria ambiental, de maior controlo do cumprimento da legislação vigente e da crescente sensibilização de empresas e população sobre o meio ambiente».

A consultora refere que o volume de reciclagem – de metal, papel e cartão, madeira, vidro e plástico - continua a crescer, com destaque para a reciclagem de resíduos de metal, com um volume em 2008 de 1,3 milhões de toneladas (metade do total reciclado).

Mais de 75 por cento da facturação total veio da venda de resíduos de metal.

A DBK nota que a balança comercial do sector apresenta um saldo deficitário, acima das 600 mil toneladas em 2008, afectado em particular pelo mercado de resíduos de metal.

Portugal é exportador líquido de resíduos de madeira, plásticos e, especialmente, de papel e cartão.

O sector integra actualmente 53 empresas privadas na área da reciclagem de embalagens – gerindo um total de 62 centros de tratamento – com 34 sistemas municipais e um reduzido número de empresas na reciclagem de resíduos industriais.

Porto e Aveiro concentram o maior número de centros de reciclagem (14 e 16 respectivamente), seguindo-se Setúbal, com sete, e Lisboa e Braga com seis.

Apesar do aumento no número de operadores há uma grande concentração, com as cinco primeiras a terem uma quota conjunta de 50 por cento do valor total de produção.

As dez maiores empresas controlam 70 por cento do mercado.

Para este ano e o próximo a DBK antecipa «perspectivas favoráveis», apesar da deterioração da actividade produtiva industrial poder ser uma ameaça para o sector.

Por isso a DBK sugere mesmo que 2009 poderá ficar marcado por uma queda no volume reciclado de resíduos metálicos, com os restantes segmentos do produto a registarem dados positivos.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 10.02.09 16:09

Mais de 500 vacas apareceram mortas sem explicação em explorações agrícolas no Norte do Alentejo


Dezenas de vacas estão a aparecer mortas em explorações agrícolas na zona de Nisa (Portalegre), deixando os agricultores «desesperados» e sem encontrar explicações junto dos veterinários.

«As vacas estão bem, estão a comer e de um momento para o outro deitam-se e já não se levantam», explicou hoje à agência Lusa João Ribeirinho, agricultor há vários anos em Nisa.

«Não sei o que se passa, o que sei é que já chamei dois veterinários e não sabem dizer absolutamente nada sobre este caso», salientou.

João Ribeirinho disse que já viu morrer, num curto espaço de tempo, «sete vacas» na sua exploração, adiantando que, no concelho de Nisa, nos últimos tempos, já terão morrido «mais de 500 vacas».

«Ninguém resolve nada, nós temos um ministro da Agricultura que veio dar cabo desta porcaria toda», lamentou.

Vagner Temudo, outro dos agricultores afectados, já viu morrer, nos últimos dias, «cinco vacas e dois vitelos», na sua exploração agrícola.

«Não sei o que se passa, as vacas caem para o chão e morrem dois ou três dias depois», lamentou.

«Estou desanimado com isto tudo», disse Fernando Marques, outro agricultor da zona.

O agricultor revelou que já reuniu com a veterinária da sua exploração agrícola e que lhe foi comunicado por parte da responsável «que não sabe o que há-de fazer».

De acordo com os agricultores daquela região do norte alentejano, estão também a suceder casos idênticos em explorações agrícolas dos concelhos de Crato, Castelo de Vide e Avis, no distrito de Portalegre.

Contactado pela Lusa, o presidente da Associação de Agricultores do Distrito de Portalegre (AADP), António Bonito, alertou que «algo tem de ser feito» nos próximos dias.

Nesse sentido, disse, a AADP está a «trabalhar» para constituir um grupo de trabalho para analisar a situação.

Outra das medidas que António Bonito tem em marcha passa pela contratação de um laboratório de análises que efectue no terreno a recolha de tecidos ou de outras matérias para que se possa identificar a origem da morte das vacas.

Segundo António Bonito, o problema ainda não foi comunicado ao ministro da tutela.

«Primeiro que tudo temos que perceber do que estamos a falar para depois podermos colocar as questões», sublinhou.

«Não podemos chegar a um ministro e dizer que temos um problema. Temos que o identificar e depois criar medidas e, se for caso disso, tentar obter ajudas, apoios no sentido de minimizar os problemas que estamos a sentir», sublinhou.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 11.02.09 7:25

Morte de bovinos não tem perigo para a saúde

O veterinário responsável pelo Agrupamento de Defesa Sanitária de Portalegre (ADS) afastou hoje qualquer perigo para a saúde pública devido à morte de dezenas de bovinos na região e revelou que os serviços reúnem quinta-feira para discutir o problema.

«Não há perigo para a saúde pública. É uma doença exclusivamente do foro animal», afiançou à agência Lusa José Cachapa.

Para quinta-feira à tarde está marcada uma reunião, que vai contar com a presença de elementos da Direcção-Geral de Veterinária e do Laboratório Nacional de Investigação Veterinária (LNIV).

«Vamos juntar os veterinários que fazem serviço naquela zona, quem tem conhecimento mais pormenorizado da situação e alguém do LNIV para fazermos uma bateria de análises e saber, de uma forma conclusiva e documentada, qual é a situação», disse o responsável, que não quis explicar onde é que o encontro vai ter lugar.

O responsável da ADS de Portalegre explicou que a morte de bovinos tem acontecido «em explorações agrícolas na zona norte do distrito de Portalegre», em concelhos como Nisa, Castelo de Vide e Crato.

Sem ter ainda certezas quanto às causas da mortandade, José Cachapa admitiu, contudo, que esta possa estar ligada à «má qualidade das pastagens» naquela área, encontrando-se os animais debilitados.

«A causa original, no meu entender, é a baixa qualidade alimentar do efectivo pecuário, pois, sempre que isso acontece, os animais ficam fisicamente debilitados», disse.

Esta situação, segundo o veterinário, pode ter também sido aproveitada por bactérias, como a que causa a leptospirose ou a que provoca a febre da carraça.

«A leptospirose pode ser um dos agentes, mas isso não nos diz que, no geral dos efectivos pecuários afectados, se verifique essa doença. Esses agentes, tal como os da febre da carraça, são bactérias oportunistas, esperando uma debilidade para poderem actuar», afirmou.

O responsável da ADS sublinhou que, «quando o animal está fisicamente em baixo», devido à «qualidade das pastagens que não é das melhores», todas estas situações «actuam e matam».

Nas últimas semanas, dezenas de vacas têm aparecido mortas em explorações agrícolas de Portalegre, nomeadamente da zona de Nisa, o que está a deixar os agricultores «desesperados».

«As vacas estão bem, estão a comer e, de um momento para o outro, deitam-se e já não se levantam», explicou à agência Lusa João Ribeirinho, agricultor há vários anos em Nisa.

«Não sei o que se passa, o que sei é que já chamei dois veterinários e não sabem dizer absolutamente nada sobre este caso», salientou.

João Ribeirinho disse que já viu morrer, num curto espaço de tempo, «sete vacas» na sua exploração, adiantando que, no concelho de Nisa, nos últimos tempos, já terão morrido «mais de 500 vacas».

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 11.02.09 9:20

Portugal é exemplo na conservação e protecção das baleias



O comissário de Portugal na Comissão Baleeira Internacional, Jorge Palmeirim, defendeu hoje que Portugal tem de ser visto, cada vez mais, como um exemplo na conservação e protecção das baleias nos oceanos.

«Há muito que em Portugal se passou da era da caça à baleia para a era da exploração não letal das baleias, através da observação e protecção, e aqui o país assume um papel muito importante«, disse Jorge Palmeirim à Lusa, à margem do último dia do encontro daquela comissão (IWC, na sigla em inglês), que decorre em Lisboa.

Para além disso, «queremos que os restantes países do mundo nos vejam como exemplo e vejam que é possível transformar uma indústria letal numa indústria altamente lucrativa, que não envolve a morte das baleias», acrescentou.

A reunião decorreu durante dois dias com o objectivo de discutir o futuro da Comissão Baleeira Internacional, bem como a caça às baleias e os problemas que dela decorrem.

Neste último dia, os participantes concluíram que é preciso que as forças políticas actuem em uníssono, para que seja resolvido o impasse na caça às baleias em todo o mundo.

«É preciso que o poderes políticos exerçam mais força para que a questão seja mais rapidamente solucionada», disse Peter Bridgewater, o presidente da Comissão Internacional.

Um dos problemas mais graves discutidos na organização, que precisa de uma solução imediata, tem a ver com a caça japonesa às baleias, que se tem intensificado no Oceano Antárctico e a norte do Oceano Pacífico.

Há negociações em curso com o Japão, segundo Peter Bridgewater, e já foram recomendadas uma série de opções e passos para se acabar com este problema.

«É preciso rever as medidas que foram assumidas na Convenção Internacional para a Regulação da Actividade Baleeira, em 1946, porque esse tratado não resolve os problemas do século XXI», concluiu.

Em Junho deste ano, Portugal receberá a 61ª reunião anual da Comissão Baleeira Internacional, que terá lugar na ilha da Madeira.

«Na Madeira esperamos ter um momento de viragem para que a Comissão consiga retomar o papel extremamente positivo que teve no passado, de conservação e de boa gestão das baleias nos oceanos», afirmou Jorge Palmeirim.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 11.02.09 10:04

Sócrates anuncia incentivos para painéis solares em casa



O primeiro-ministro anunciou hoje benefícios fiscais e facilidades no acesso ao crédito bancário para as famílias que instalem painéis solares, programa que pretende atingir 65 mil habitações em 2009, num investimento de 225 milhões de euros.

José Sócrates afirmou ainda que o Governo vai ordenar a realização de auditorias sistemáticas de eficiência energética nos edifícios públicos a partir de Março, abrangendo hospitais, universidades e instalações de Defesa Nacional.

As medidas do programa do Governo para a energia foram anunciadas por José Sócrates na sua intervenção inicial no debate quinzenal, na Assembleia da República, dedicado ao tema da economia.

Segundo o líder do executivo, as famílias que entenderem instalar em 2009 painéis solares térmicos nas suas casas contarão «com um triplo benefício».

«Pagarão menos de metade do custo do equipamento; verão a sua factura energética anual reduzir-se em mais 20 por cento; e terão ainda um benefício fiscal de 30 por cento do custo de investimento do primeiro ano», apontou.

Neste capítulo, Sócrates adiantou também que estas famílias poderão recorrer ao crédito bancário para financiamento dos painéis «em condições preferenciais já a partir do próximo mês».

Sócrates disse depois que a meta é instalar painéis solares «em mais de 65 mil habitações».

«O investimento previsto chegará aos 225 milhões de euros, cabendo ao Estado uma comparticipação na ordem dos 100 milhões de euros. Estima-se também a criação de cerca de 2500 postos de trabalho», sustentou.

A par das medidas para os particulares, o primeiro-ministro referiu que a primeira etapa do programa de eficiência energética para os edifícios públicos, a partir de Março, prevê auditorias sistemáticas a 100 edifícios públicos, que são considerados grandes consumidores de energia, entre os quais se contam universidades, hospitais ou instalações de Defesa nacional.

«Logo de seguida, arrancarão as obras necessárias para que estes edifícios passem a cumprir as regras da eficiência energética», complementou.

Num debate dedicado ao tema da economia, o primeiro-ministro referiu que a actual crise económica mundial exige «investimento».

«Investir nas escolas e na qualificação, investir nas redes de nova geração, investir na eficiência energética e nas energias renováveis», apontou.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 12.02.09 12:46

Causas da morte de bovinos desvendadas dentro de "dois ou três dias"


O presidente da Associação de Agricultores do Distrito de Portalegre (AADP), António Bonito, garantiu hoje que dentro de "dois ou três dias" haverá respostas sobre as causas da morte de dezenas de bovinos naquela região.

O responsável da AADP falava aos jornalistas, em Monforte (Portalegre), após uma reunião com os veterinários da associação, a Direcção-Geral de Veterinária, Laboratório Nacional de Investigação Veterinária e um laboratório especializado.

"Nesta reunião, chegámos a um entendimento de fazer análises para perceber o que se está a passar e esperamos dentro de dois a três dias ter dados concretos", afirmou, em declarações aos jornalistas.

António Bonito avançou que as entidades participantes na reunião de hoje vão estar no terreno, nos próximos dias, a efectuar um conjunto de análises para detectar a origem da mortandade no gado bovino.

"As pesquisas vão ser efectuadas em explorações que estão a ser afectadas e serão feitas por técnicos credenciados", assegurou o responsável da AADP.

Num universo de 3.815 explorações agrícolas no distrito de Portalegre, onde existem cerca de 200 mil bovinos, este tipo de casos está a ocorrer na região norte do distrito em "sete explorações", onde já morreram cerca de "setenta bovinos", explicou.

Questionado pelos jornalistas sobre se a mortandade registada acarreta alguns riscos para a saúde pública, o responsável pela AADP descartou de imediato essa possibilidade.

"A saúde pública está neste momento salvaguardada", afirmou.

"Não criem alarmismos, porque todos precisamos de serenidade e de calma", defendeu.

O Ministério da Agricultura já esclareceu que a elevada mortalidade de bovinos no distrito de Portalegre está associada à leptospirose e a uma conjugação de factores ambientais que diminuíram as defesas dos animais.

No entanto, para António Bonito, "tudo o que foi dito até agora não tem fundo de verdade".

"Nós temos que diagnosticar para depois termos acção sobre esses mesmos diagnósticos", frisou.

As intempéries registadas nos últimos meses no distrito de Portalegre, que provocam alguma debilidade nos animais, apesar de estes serem alimentados com suplementos, e a fraca qualidade das pastagens são cenários a ter em conta neste caso, consideraram as várias entidades envolvidas nesta reunião.

O presidente da AADP apelou, por outro lado, aos portugueses para continuarem a consumir carne portuguesa porque se trata de uma carne de "qualidade".

Já hoje, no final do Conselho de Ministros, o ministro da Agricultura admitiu a adopção de medidas para responder à elevada taxa de mortalidade de gado no Alentejo, mas adiantou que o Governo ainda averigua eventuais situações de incumprimento do bem-estar animal.

"Há taxas de mortalidade que em algumas explorações ultrapassam os 10 por cento. Essa situação está a ser analisada desde quarta-feira pelos serviços de veterinária", referiu.

Segundo Jaime Silva, perante esta elevada mortalidade, o Governo "mandou analisar as causas e os serviços de veterinária deram uma primeira pista: a doença da leptospira".

"Há uma mortalidade muito acentuada em algumas explorações, mas o Governo terá de verificar se as condições de bem-estar animal estão a ser preenchidas. Temos de ver se não há mais razões que possam estar na origem do problema. Só depois poderemos tomar uma decisão", frisou o membro do Governo.

Jaime Silva referiu também que "há uma vacina para a doença da leptospira, que é muito utilizada pelos produtores nacionais que têm os seus animais em zonas de chuva e de muita água no solo".

"Mas esse não é o caso da zona Norte do Alentejo, que é uma região de sequeiro", reconheceu.

No entanto, o ministro da Agricultura não excluiu a possibilidade de "haver uma tomada de decisão de apoio em função do apuramento das causas das mortes".

"É evidente que uma taxa de mortalidade sempre que ultrapassa os dois ou três por cento é considerada excessiva. Uma taxa de 15 por cento por exploração obriga-nos a fazer uma análise mais detalhada das razões de fundo dessa mortalidade", acrescentou.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 13.02.09 5:29

Euromilhões: Pastora comprou Mercedes e continua com cabras



Uma pastora de Melgaço que em 2005 ganhou 68.580 euros no Euromilhões gastou o dinheiro «quase todo» na compra de um Mercedes e continua diariamente a levar as suas 135 cabras a pastar no monte.

«Há muito que o meu sonho era ter um Mercedes e a sorte no Euromilhões permitiu-me concretizar esse sonho. O dinheiro foi quase todo para o carro», confessa, com simplicidade, Maria do Carmo Faria, 47 anos de idade, moradora em Fiães, concelho de Melgaço.

Com a mesma simplicidade, Maria do Carmo acrescenta que «não se ajeita lá muito bem» com o Mercedes, «porque não tem travão de mão e é muito comprido», e que, por isso, «não se desfez» do seu velhinho Opel, que continua a utilizar.

«Faço assim: para ir às cabras, à missa ou fazer outras coisas aqui por perto, vou no Opel, e quando vou à vila ou faço uma viagem maiorzinha levo o Mercedes», conta.

Maria do Carmo foi premiada no sorteio de 12 de Agosto de 2005, mas só em Outubro é que se apercebeu que tinha um prémio para receber, já que nem se dera ao trabalho de conferir o boletim.

Como se estava a esgotar o prazo para reclamação do prémio, o dono do quiosque decidiu pôr um anúncio no jornal da terra, que surtiu imediatamente efeito, até porque o pai de Maria do Carmo, que na altura tinha 81 anos, é assinante desse jornal.

«Estava em casa a ler o jornal e aquilo chamou-me a atenção. O meu genro acabou também por ler e, pelo sim pelo não, foi conferir os boletins que tinha na gaveta. E não é que a sorte grande saiu mesmo à minha filha?», referiu, na altura, emocionado, o octogenário.

Maria do Carmo acertou nos cinco números da sorte (15-23-30-37-40), mas não teve pontaria para nenhuma das estrelas, o que lhe valeu o 3º prémio.

Um prémio que, no entanto, não alterou em nada a rotina de Maria do Carmo, que todos os dias, de manhã, continua a levar as suas 135 cabras a pastar no monte, recolhendo-as ao final da tarde.

O resto do dia dedica-o às lides da casa e a tratar da horta.

«Claro que o dinheiro, sobretudo quando nos entra assim pela casa dentro sem nós contarmos, nos dá muito jeito. Mas também não ganhei nenhuma fortuna, não é?«, acrescenta.

O prémio nem sequer alterou a rotina de jogo daquela pastora, que todas as semanas aposta os mesmos dois euros de sempre, ou seja, uma única chave.

«Olhe, sempre joguei por jogar, quase por descarga de consciência. Muitas vezes nem sequer conferia os boletins, para ver se tinha prémio. Não sou rica mas, graças a Deus, tenho quase tudo o que preciso. Sou feliz e isso é o mais importante de tudo», confessa.

Maria do Carmo está casada com um agente da GNR e tem uma filha de 23 anos que está «a acabar Farmácia», na Universidade, no Porto.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por goleador em 15.02.09 4:41

Sogro de Fernando Couto morto em assalto a casa


Um comerciante de ouro, de 79 anos e sogro do ex-futebolista Fernando Couto, foi este sábado encontrado morto em casa, num cenário de crime, em Valbom (Gondomar). Estava amarrado a uma cadeira e amordaçado, tudo apontando para um assalto.

Os vizinhos de Francisco Barbosa Oliveira, residente na Rua Dr. Joaquim Manuel da Costa, estranharam não tê-lo visto durante a manhã de ontem. É que o ourives, que vivia sozinho desde que se separou, costumava levantar-se bem cedo e tinha por hábito "limpar as grades e o muro, tratar dos vasos e varrer o passeio", entre outros trabalhos de manutenção da casa.

Intrigados, os moradores tentaram contactá-lo insistentemente por telefone. Ninguém atendeu. Temendo o pior, e porque a última vez que o tinham visto foi ao início da noite de anteontem, quando uma empregada lhe foi levar o jantar, alertaram um dos filhos do idoso, que, cerca das 16 horas, deslocou-se à residência.

Francisco Oliveira já não apresentava sinais de vida. Estava sentado numa cadeira, com pés e mãos amarrados, e amordaçado com fita adesiva. Este último pormenor levou as autoridades a admitir, entre outras hipóteses, que a vítima não tenha morrido por agressões, mas por asfixia. Só a autópsia poderá esclarecer melhor a situação.

Segundo o JN apurou junto de fontes policiais, o quarto estava remexido e havia alguns vidros partidos, que poderiam ter sido resultantes de uma eventual luta que o morador tenha tido com os assaltantes. A intenção dos intrusos seria a procura de peças em ouro, relacionadas com actividade profissional do visado, ou de dinheiro.

Há a possibilidade de a morte ter ocorrido durante a noite ou madrugada de ontem. A Polícia Judiciária encetou de imediato as investigações.

Abordados pelo JN, alguns vizinhos revelaram que Francisco saía muitas vezes de casa com malas de ouro, para ir ter com clientes. "Dava muito nas vistas. Ia de táxi, mas também chegava a ir com as malas na mão apanhar a camioneta", contou um conhecido do ourives.

Com as autoridades ainda no local, os moradores chamaram a atenção para um pormenor, que, acreditam, poderá ter relevância para a investigação. Há dias, alguém matou um cão que guardava um terreno contíguo à habitação e de que o idoso cuidava. "Foi envenenado", afirmou um dos populares, estabelecendo uma possível relação com o assalto.

"Isto foi obra de profissionais, que devem ter estudado bem o local", acrescentou a mesma fonte, lamentando o desfecho trágico: "Escusavam de ter morto o homem".

Os assaltantes - cujo número se desconhece, até porque ninguém se apercebeu de movimentações suspeitas - poderão ter conseguido introduzir-se na moradia através daquele terreno contíguo, que está abandonado. As autoridades não terão encontrado sinais de arrombamento na habitação.

De resto, e segundo um amigo, o comerciante de ouro não escondia a preocupação com a vaga de assaltos que tem assolado o nosso país. "Ele comentava comigo as notícias que via na televisão e nos jornais. Dizia que ninguém fazia nada para evitar esta criminalidade", revelou.

Francisco Oliveira era tido como "uma jóia de pessoa". "Estava separado há vários anos. Vivia feliz à sua maneira. Estava sempre alegre e era educado. Até dava esmolas a quem precisava. Tinha pena das pessoas", enfatizou uma moradora.

JN
avatar
goleador
Jogador da Liga Vitalis

Número de Mensagens : 531
Clube : f c porto
Pontos : 153
Data de inscrição : 14/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 15.02.09 9:51

Obama escreve a Cavaco, quer trabalhar em conjunto para edificar "mundo mais seguro"


O Presidente da República recebeu esta semana uma mensagem do Presidente dos Estados Unidos, em que Barack Obama reconhece a importância do relacionamento com Portugal e manifesta o desejo de trabalhar com Cavaco Silva para "edificar um mundo mais seguro".

"Estou confiante em que poderemos trabalhar em conjunto, nos próximos quatro anos, num espírito de paz e amizade, com vista a edificar um mundo mais seguro. É meu desejo trabalhar com Vossa Excelência nesse esforço e na promoção das boas relações entre os nossos países", lê-se na missiva a que a Lusa teve hoje acesso.

Na mensagem, Barack Obama agradece também as felicitações enviadas por Cavaco Silva a 05 de Novembro, quando o novo Presidente dos Estados Unidos foi eleito, manifestando-se muito sensibilizado com a missiva que apreciou "particularmente".

Na carta agora enviada ao chefe de Estado português, Barack Obama reconhece ainda existir "um quadro de desafios", que poderão ser melhor enfrentados em conjunto.

Por outro lado, salienta ainda o Presidente dos Estados Unidos, também existem "excelentes oportunidades que, se abordadas com eficácia, poderão contribuir para promover os objectivos da nossa aliança".

"Ao darmos início à nossa colaboração, estou absolutamente convicto da importância fundamental do nosso relacionamento", acrescenta ainda Barack Obama.

Na mensagem enviada por ocasião da eleição de Barack Obama como Presidente dos Estados Unidos, Cavaco Silva tinha também manifestado a convicção de que os "laços de amizade" que unem Portugal e os Estados Unidos e a "estreita cooperação" que caracteriza a relação bilateral entre os dois países nos mais diversos domínios "encontrarão novas oportunidades para se reforçarem e expandirem".

Na missiva que enviou no início do Novembro, o Presidente da República tinha igualmente sublinhado o "papel da significativa comunidade de portugueses e luso-descendentes residentes nos Estados Unidos da América", considerando tratar-se de um importante elo de ligação entre os dois países.

"Estou certo de que a acção de Vossa Excelência constituirá um contributo determinante para a necessária coordenação de esforços a nível internacional a que obrigam os desafios com que o mundo se confronta. Só assim seremos capazes de ultrapassar os problemas que se nos colocam e de tirar partido das oportunidades que se nos oferecem", lia-se ainda na mensagem enviada por Cavaco Silva ao Presidente dos Estados Unidos.

Desde que tomou posse como Presidente da República, em Março de 2006, Cavaco Silva esteve nos Estados Unidos duas vezes: em Setembro de 2008, em Nova Iorque, por ocasião da Abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas, e em Junho de 2007, quando abriu em Washington a exposição "Abraçando o Globo: Portugal e o Mundo nos Séculos XVI e XVII".

Nesta altura, em 2007, o chefe de Estado deslocou-se a Boston, Massachusetts, onde se encontrou com o Governador Deval Patrick, reuniu-se com a secção dos EUA do Conselho das Comunidades Portuguesas e visitou as comunidades lusas em Hudson, Fall River e New Bedford (todas no estado de Massachusetts) e, ainda, em Newark, no estado de Nova Iorque.

Enquanto primeiro-ministro, Cavaco Silva esteve na Casa Branca, no âmbito de visitas oficiais aos EUA, a convite de três Presidentes norte-americanos: Ronald Reagan, George H. Bush e Bill Clinton.

O encontro com Bill Clinton aconteceu pouco tempo antes de os representantes da comunidade luso-americana terem, pela primeira vez, sido recebidos na Casa Branca por um Presidente norte-americano.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 16.02.09 9:13

Identificado gang suspeito de ter assassinado sogro de Fernando Couto


A Polícia Judiciária do Porto mobilizou inspectores das brigadas de Homicídios e do Combate ao Banditismo para encontrarem e deterem os homens que assaltaram e mataram Francisco Barbosa Oliveira, de 79 anos, ourives e sogro do futebolista Fernando Couto.

A PJ suspeita que o "gang do Valbom" foi o responsável pela morte de Francisco Barbosa Oliveira. O também chamado de "gang do terror" são também suspeitos de uma série de assaltos à mão armada e carjacking.

Segundo o 24horas, pelo que foi apurado até agora, o assalto à casa do ourives terá sido planeado com antecedência.

Francisco Oliveira foi encontrado morto pelo filho, ao final da tarde de sábado, na sua casa de Gondomar, situado perto da esquadra da PSP de Valbom.

O sogro de Fernando Couto foi amarrado pelos pés e pelas mãos e tinha uma fita adesiva na boca. Os indícios encontrados pela PJ na casa da vítima apontam para que o ourives tenha sido torturado para revelar onde é que tinha escondido o ouro.

Os testemunhos de alguns vizinhos contam que Francisco de Oliveira era muito cuidadoso com o transporte das suas malas, onde guardava o ouro, no entanto a PJ fala num informador do "gang do terror" que durante vários dias terá seguido todos os passos do ourives.

No entanto, segundo o 24horas, a PJ ainda não consegui chegar a esse informador, mas as investigações, agora, caminham nesse sentido.

SOL
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 22.02.09 10:57

Viver sem água à beira da capital ...



Um chafariz a 500 metros é a única solução para os moradores do bairro de génese ilegal do Cerrado Novo, em Belas, que lamentam estar à espera da legalização que devolverá o bairro ao século XXI.

É no meio de uma estrada de terra batida, repleta de buracos, que Helena Rocha, moradora neste bairro há 10 anos, vai de dois em dois dias buscar água a um chafariz colocado a 500 metros da sua casa. Do alto dos seus 67 anos afirma que estas viagens, por vezes com um carrinho de mão, fazem parte de uma rotina quase diária, partilhada com outros moradores que aguardam há 10 anos pela conclusão do processo de legalização do bairro.

Sem saneamento básico e sem água canalizada, esta legalização permitirá aos moradores obter um conjunto de infra-estruturas semelhantes a outros bairros que fazem fronteira com o Cerrado Novo.

Segundo Adolfo Aguiar, presidente da Comissão de Moradores do Bairro Cerrado Novo, este é um bairro classificado como Área Urbana de Génese Ilegal (AUGI) que desespera desde 1999 pela segunda fase de legalização que permitirá a colocação de alcatrão, água canalizada e esgotos no local. «Para a instalação da água no bairro falta-nos um parecer da Divisão de Urbanismo da câmara de Sintra para que os SMAS [Serviços de Água e Saneamento] avancem com as obras. Está ali um entrave qualquer que não deixa com que tenhamos água», adiantou à agência Lusa, o morador durante uma visita ao bairro.

Segundo Adolfo Aguiar, os moradores aguardam desde Outubro de 2008 por este parecer que tornará a vida destas pessoas menos «desumana». «Nós pertencemos à freguesia de Belas e a um concelho que é património mundial da Humanidade. Este bairro parece o fim do mundo», adiantou o morador, enquanto mostrava o local a elementos do Bloco de Esquerda.

Após visitar o bairro, André Beja, representante do Bloco de Esquerda na Assembleia Municipal de Sintra, adiantou à agência Lusa que «era importante que a câmara desse uma resposta célere à população deste bairro».

«Há dez anos que a primeira fase de legalização desta AUGI está aprovada. Estamos à entrada da segunda fase que implica uma infra-estruturação como esgotos, água canalizada ou asfalto», referiu o bloquista.

Segundo André Beja, a autarquia de Sintra aprovou «há um ano medidas especiais para que este tipo de situações em AUGI sejam resolvidas». «Esta situação está emperrada por alguma questão burocrática. É desumano que as pessoas tenham que viver nestas situações», referiu.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 22.02.09 17:00

Carro alegórico sem travões deixou três crianças hospitalizadas

Um acidente com um carro alegórico na Soalheira, Fundão, provocou hoje 12 feridos, entre as quais três crianças que continuam hospitalizadas, disse fonte da protecção civil local.

"Uma criança está internada no Hospital de Castelo Branco e outras duas estão no Hospital da Covilhã", disse à Agência Lusa, Pedro Ribeiro, delegado concelhio da Protecção Civil no Fundão.

"São situações estabilizadas, sem gravidade. As outras pessoas sofreram ferimentos ligeiros", sublinhou.

Segundo fonte do Hospital da Covilhã, uma criança de 10 anos vai ser sujeita a uma intervenção cirúrgica devido a ferimentos num joelho, enquanto outra de nove anos sofreu diversos hematomas e está sob observação.

No Hospital de Castelo Branco permanece sob observação uma criança de oito anos, "com um traumatismo abdominal, sem gravidade", referiu fonte hospitalar.

O acidente aconteceu cerca das 16:00 quando "uma carrinha de caixa que participava no desfile ficou sem travões", numa das ruas da aldeia, disse o presidente da Junta de Freguesia, João Picado.

"O veículo acabou por roçar numa casa e ferir algumas pessoas, umas que lá seguiam e outras que estavam a assistir ao desfile", organizado todos os anos "por uma colectividade local", acrescentou.

JN
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por indomavel em 22.02.09 17:22

eu conheço uma pessoa que ontem a descer a serra da estrela ficou sem travões
avatar
indomavel
Presidente do Núcleo Sportinguista

Número de Mensagens : 3130
Clube : Sporting/ Naval / Man. City
Pontos : 2016
Data de inscrição : 14/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por goleador em 24.02.09 6:15

Jogador baleado na cara por adversário


Uma simples partida de futsal, entre dois grupos de jovens rivais, acabou, esta segunda-feira, em Vila Franca de Xira, com um dos jogadores baleado na face. A vítima, de 14 anos, sofreu graves lesões cerebrais causadas pelo disparo.

O incidente terá ocorrido pelas 18.30 horas, quando os dois grupos se defrontavam num jogo de futebol, sem carácter oficial, no campo do Polidesportivo do Bairro Municipal de Povos, em Vila Franca de Xira. Segundo um dirigente desportivo do clube "Os Pestinhas de Povos", os jovens deste bairro estariam a vencer os adversários, oriundos do Carregado, concelho de Alenquer.

"Devido às 'bocas' que começaram a ouvir, os jovens do Carregado desataram a bater nos de Povos", explicou aquele responsável. Terá sido durante estes confrontos físicos que um dos atletas carregadenses terá sacado de uma arma de fogo, que tinha dentro do bolso das calças [não estavam a jogar com equipamento desportivo], e disparado à queima-roupa sobre Tiago Correia, de 14 anos.

O jovem terá logo caído inanimado, provocando a dispersão da multidão e a fuga de todos os jogadores da equipa adversária. Apesar de terem contactado o INEM, os amigos do jogador optaram por levá-lo num carro particular à unidade hospitalar de Vila Franca, não aguardando pela chegada nem dos bombeiros nem das autoridades.

"Quando lá chegámos, juntos com a VMER [viatura médica de emergência e reanimação] já não havia vítima, porque os miúdos tiveram a iniciativa de levar o colega às urgências", disse, ao JN, o segundo-comandante dos bombeiros de Vila Franca, Elviro Passarinho.

Fonte do Hospital Reynaldo dos Santos adiantou que o estado clínico do jovem foi estabilizado, mas por apresentar sérias lesões cerebrais foi transferido para a unidade de Neurocirurgia do Santa Maria, em Lisboa. Ao fecho da edição, Tiago Correia encontrava-se já a ser alvo de uma intervenção cirúrgica, sendo o seu prognóstico reservado.

A PSP de Vila Franca de Xira e de Alverca do Ribatejo estiveram no local, repondo a ordem e acalmando a revolta dos moradores daquele bairro social, que se queixaram de atrasos no socorro. A meio da noite, a PJ ainda se encontrava em Povos, de modo a identificar o autor do disparo e o calibre da arma utilizada.

Esta já não era a primeira vez que o grupo se defrontava, tanto mais que a rivalidade entre os dois bairros é conhecida nas redondezas [Povos dista do Carregado cerca de cinco quilómetros], mas nunca tinha chegado a episódios de extrema violência como este.

O dirigente desportivo do clube onde joga Tiago referiu, ao JN, o "comportamento exemplar" do jovem. "É um miúdo muito pacato, calado e brincalhão", reforçou. Tiago integra ainda um grupo de dança africana do Centro Comunitário de Povos. Órfão de pai, o jovem vive com a mãe e três irmãos - duas raparigas e um menino de cinco anos.

JN
avatar
goleador
Jogador da Liga Vitalis

Número de Mensagens : 531
Clube : f c porto
Pontos : 153
Data de inscrição : 14/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 25.02.09 15:45

Ministério do Ambiente autoriza construção da Terceira Travessia do Tejo

O Ministério do Ambiente autorizou a construção da Terceira Travessia do Tejo, entre Chelas e o Barreiro. Contudo, este ministério impôs várias condicionantes como um sistema de portagens diferenciadas e a limitação de velocidade a 80km/h.

O Ministério do Ambiente autorizou a construção da Terceira Travessia do Tejo, entre Chelas e o Barreiro, tendo impondo várias condicionantes, nomeadamente a cobrança de portagens diferenciadas, cujos preços variem em função da procura.

De acordo com a Declaração de Impacto Ambiental, o sistema de preços a adoptar terá de penalizar «o(s) período(s) de maior procura», tendo ainda de ser colocado um sistema de controlo de velocidade, que imponha como limite máximo os 80km/h.

Nos períodos de maior procura, a terceira faixa do tráfego rodoviário deve ser reservada para veículos com ocupação igual ou superior a dois ou três passageiros, veículos eléctricos e transportes públicos.

A declaração recomenda ainda a «possibilidade de acomodar uma via de duplo sentido para modos de transporte suaves, como bicicletas, e que sejam promovidos serviços nos comboios suburbanos que facilitem o transportes das mesmas.

A construção da componente ferroviária deverá ser «privilegiada» em relação à rodoviária, devendo ser criadas condições para que o transporte colectivo, nomeadamente no serviço ferroviário convencional, «esteja disponível e operacional aquando da entrada em funcionamento da componente rodoviária».

A Terceira Travessia do Tejo, que envolve um investimento de 1,7 mil milhões de euros, terá duas vias para a alta velocidade, duas para a rede convencional e duas vias com três faixas para o tráfego rodoviário.

TSF
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 28.02.09 9:26

Pirata informático atacou ficheiros da Procuradoria

O sistema informático da Procuradoria-Geral da República (PGR) sofreu um ataque de pirataria, tendo sido detectada uma intromissão não autorizada no computador de um dos procuradores titulares do inquérito ao "caso Freeport".

Segundo o SOL apurou, essa intromissão ocorreu há cerca de três semanas, estando, entretanto, a decorrer um inquérito. Sabe-se que foi utilizado um trojan, ou seja, um "cavalo de Tróia" – um "programa" que permite aceder, à distância, à memória dos computadores, ler, copiar e reenviar ficheiros para um endereço pré-definido.

O ataque foi feito através do sistema informático usado pela Procuradoria, em cuja dependência funciona o DCIAP (Departamento Central de Investigação e Acção Penal) – onde trabalham os magistradores responsáveis pela investigação do "caso Freeport", Vítor Magalhães e Pais Faria. Foi no computador deste último que foi detectada a intromissão.

SOL
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 01.03.09 15:13

Museu da Lourinhã anuncia descoberta de nova espécie de dinossauro


O Museu da Lourinhã, conhecido pelos achados de fósseis de dinossauros, anunciou hoje a descoberta de uma nova espécie de estegossauro, animal do período do jurássico, com 150 milhões de anos.

A nova espécie, designada de Miragaia longicollum, pertence a um dinossauro encontrado na localidade de Miragaia, em 2001.

«O animal caracteriza-se pelo pescoço comprido, de metro e meio, e pelas suas 17 vértebras. Sabíamos que era um estegossauro, mas quando começámos a contar vimos que eram vértebras a mais do que aquilo que era conhecido», disse hoje à agência Lusa o especialista Octávio Mateus.

«Ainda que o pescoço de cerca de metro e meio do Miragaia longicollum possa parecer pequeno quando comparado com o dos gigantes saurópodes, as 17 vértebras cervicais representam mais cinco do que as do estegossauro e mais dez do que as da girafa», acrescenta o especialista num comunicado hoje divulgado.

Os dinossauros estegossauros são normalmente identificados pelas suas placas no dorso, espinho na cauda, membros pequenos e pescoço curto.

«Contudo, o novo estegossauro surpreendeu-nos pelo pescoço comprido», sublinhou acrescentando que «o alongamento do pescoço ocorreu por dois processos evolutivos: pela adição de mais vértebras do pescoço e pela cervicalização, isto é, a transformação de vértebras do dorso em pescoço».

Os paleontólogos adiantaram ainda duas hipóteses para o tamanho do pescoço: «a competição com outros dinossauros, que os leva a explorar áreas de alimentação menos usadas por outros herbívoros, ou a selecção sexual, em que os indivíduos de pescoço maior seriam mais facilmente seleccionados pelos parceiros».

Octávio Mateus, que estudou o animal com outros paleontólogos do Museu da Lourinhã, Universidade Nova de Lisboa e Universidade de Cambridge considerou ainda que a importância da descoberta para a ciência é que «vem provar a diversidade e unicidade dos dinossauros em Portugal».

«Demonstra ainda a sua capacidade de evoluírem de forma rápida e se adaptarem às condições ambientais», sustentou.

O estudo baseou-se na parte da frente de um esqueleto incluindo o crânio.

O crânio é o único conhecido de um estegossauro na Europa.

Este achado junta-se à colecção do museu da Lourinhã que tem como principal atracção um ninho com uma centena de ovos de dinossauros, alguns dos quais contendo embriões.

A nova espécie foi publicada na revista inglesa Proceedings of the Royal Society.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 04.03.09 10:36

Número de emigrantes portugueses aumentou 22 mil entre 2006 e 2008


O número de portugueses a ir trabalhar para o estrangeiro aumentou mais de 22 mil entre 2006 e 2008, com uma grande maioria a escolher Suíça e Angola para emigrar, segundo dados do Governo português. Actualmente, a Diáspora lusa assenta em quase cinco milhões.

De acordo com a Direcção-Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas (DGACCP), em 2007-2008 emigraram mais 22.726 portugueses do que em 2006-2007. Existem assim oficialmente 4.990.923 emigrantes portugueses espalhados pelo mundo.

O grande aumento em 2007-2008 deu-se na Europa, com mais 25.251 emigrantes portugueses, e em África, com mais 13.564.

Na Ásia registou-se uma diminuição de 15.163 trabalhadores portugueses e na América a emigração portuguesa também teve uma redução de 926 pessoas.

Na Europa, a Suíça foi o país que mais portugueses (15.871) escolheram para trabalhar em 2007-2008, seguido do Luxemburgo (6.600), da Bélgica (4.952), de Itália (1.528) e de Andorra (1.005).

Em contrapartida, nesse ano saíram 5.304 portugueses de Espanha.

Para o continente africano emigraram 13.564 portugueses, tendo a grande maioria (10.925) escolhido Angola.

Os países africanos de língua portuguesa são aliás o principal destino dos portugueses que vão trabalhar para África, tendo-se registado um aumento de 1.322 emigrantes para Moçambique, 1.011 para Cabo Verde, 381 para a Guiné-Bissau e 196 para São Tomé e Príncipe.

Na Ásia, os números oficiais apontam para uma diminuição de 17.000 portugueses a trabalhar em Macau e para um aumento de 1.478 em Timor-Leste, 122 na China e 73 na Tailândia.

No continente americano, registou-se um aumento de 832 portugueses na Argentina, de 85 no México e de 26 em Cuba.

Em contrapartida, saíram 1.458 portugueses do Uruguai, 409 do Chile e 46 da Colômbia.

Com excepção da Suíça e do Luxemburgo, manteve-se o número de portugueses nos países com forte tradição emigratória como os Estados Unidos, o Canadá, a Venezuela e o Reino Unido.

Os números fornecidos pela DGACCP são uma estimativa e referem-se apenas aos portugueses que se registam nos consulados de Portugal no estrangeiro.

Conseguir determinar o número exacto de portugueses no estrangeiro é um dos objectivos do Observatório da Emigração, criado pelo Governo em Maio de 2008, e que começou os seus trabalhos no início deste ano.

JN
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 07.03.09 12:59

Cavaco Silva diz que Volkswagen garante produção de novo veículo em Portugal



O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, revelou que o presidente da Volkswagen garantiu-lhe que o investimento para a construção de um novo veículo na Autoeuropa não ia ser posta em causa.

Em declarações aos jornalistas num hotel em Osnabrück, o chefe de Estado lamentou não ter sido possível visitar durante a manhã a sede da Volkswagen, em Wolfsburg, devido às más condições atmosféricas, mas revelou pormenores de uma conversa que teve com Martin Winterkorn, em Berlim, no início da semana.

Nessa conversa, adiantou Cavaco Silva, aproveitou para colocar as principais questões que levaria hoje para a visita à sede da Volkswagen.

Uma das questões relacionava-se com a garantia que o investimento para a construção de um novo veículo em Portugal não ia ser posto em causa.

«Ele garantiu-me que não ia ser posto, de facto, em causa», revelou o chefe de Estado.

A segunda questão estava relacionada com a compra de componentes a produtores portugueses.

«A segunda questão era pedir à Volkswagen que comprasse mais complementos a produtores portugueses e que importasse menos componentes para a construção dos automóveis dos outros países», referiu o Presidente da República.

Na resposta, continuou o chefe de Estado, o presidente da Volkswagen explicou as exigências que a empresa coloca aos fornecedores de componentes.

«Eu disse-lhe que se a Volkswagen fornecesse os padrões de qualidade aos empresários portugueses, eu estava convencido que seriam capazes de responder de forma positiva», sublinhou, voltando a lamentar não ter sido possível visitar a sede da empresa.

Em jeito de balanço dos seus dois últimos dias da visita de Estado que realizou à Alemanha entre terça-feira e hoje, disse ter existido «duas boas notícias», em relação à Siemens e ao Instituto Fraunhofer, e uma «nova esperança» para a Qimonda.

«A Siemens está sólida em Portugal e prevê mesmo um aumento do emprego qualificado e um aumento das exportações de serviços a partir de Portugal para muitos outros países», salientou.

Por outro lado, continuou, é gratificante ver que há um número crescente de portugueses a ocuparem lugares de direcção em empresas da Siemens.

Outra «boa notícia» foi a criação no Porto do centro de investigação aplicada da parte do Instituto Fraunhofer.

«Trata-se de levar para Portugal a experiência alemã de ligação da investigação à indústria de forma a aumentar competitividade à nossa economia», frisou.

Relativamente à Qimonda, o chefe de Estado disse haver «uma nova esperança».

«Há uma nova esperança em relação à Quimonda, mas não me atrevo a dizer que nos foi comunicada uma solução definitiva», afirmou Cavaco Silva.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 09.03.09 8:07

Segunda maior central solar em Portugal começa a produzir amanhã


A segunda maior central solar fotovoltaica em Portugal começa a produzir parcialmente terça-feira em Ferreira do Alentejo (Beja), devendo começar a funcionar em pleno até final deste ano, após um investimento de quase 50 milhões de euros.

A central, com uma capacidade total instalada de 12 megawatts (MW), é hoje ligada à rede eléctrica nacional e começa a produzir terça-feira de forma parcial e com os primeiros sete MW já instalados, adiantou hoje à agência Lusa Hélder Serranho, administrador do grupo português Generg, promotor do projecto.

Segue-se a instalação dos restantes cinco MW «até final deste ano», altura em que a central deverá começar a funcionar em pleno, para produzir 21,3 gigawatts/hora de energia «limpa» por ano, «ligeiramente mais do que o consumo anual de electricidade do concelho de Ferreira do Alentejo».

Em termos de «benefícios ambientais», a central, o primeiro projecto fotovoltaico do grupo Generg e que está a ser instalada num terreno de quase 60 hectares na Herdade da Chaminé, vai evitar anualmente a importação de sete mil toneladas de fuel (cerca de 48 mil barris de petróleo não refinado) e permitir poupar 12 mil toneladas de emissões de CO2, salientou Hélder Serranho.

Quanto a impactos socioeconómicos, frisou, o projecto da central, orçado em quase 50 milhões de euros, «um dos maiores investimentos em energias renováveis no Alentejo», vai criar «seis empregos, três dos quais permanentes», além dos postos de trabalho temporários nas fases de instalação.

Hélder Serranho salientou também os benefícios sociais do projecto, frisando que o grupo Generg celebrou um contrato de direito de superfície com a Santa Casa da Misericórdia de Ferreira do Alentejo (SCMFA), a administradora da Herdade da Chaminé.

Através do contrato, explicou, o grupo, durante os 25 anos que a central irá funcionar ocupando cerca de 60 hectares da herdade, irá pagar uma renda anual à SCMFA que permitirá «melhorar o apoio social à população do concelho, sobretudo aos mais carenciados».

Quando estiver totalmente instalada e a funcionar em pleno, a central solar do grupo Generg, a segunda de três no concelho de Ferreira do Alentejo, será a segunda maior em Portugal, depois da maior do mundo com 46,41 MW e a produzir em pleno desde Dezembro de 2008 perto da vila de Amareleja, no concelho de Moura.

Além da central do grupo Generg, em Ferreira do Alentejo já funciona em pleno, desde Dezembro de 2008, uma da empresa Net Plan, com 1,8 MW distribuídos por cinco pequenas centrais, e está em instalação uma outra da Sociedade Ventos da Serra, com 10 MW e que deverá começar a produzir parcialmente em Junho.

No distrito de Beja, que tem a maior potência fotovoltaica licenciada em Portugal, além das três centrais de Ferreira do Alentejo e da maior do mundo na Amareleja, existem outras quatro centrais, duas em Mértola, uma em Brinches (Serpa) e outra em Almodôvar.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 11.03.09 10:17

Corpo de Afonso Tiago trasladado hoje, funeral sexta-feira


A trasladação do corpo de Afonso Tiago, que estava desaparecido em Berlim desde 10 de Janeiro, iniciou-se hoje por estrada e o funeral realiza-se sexta-feira em Oliveira de Azeméis, disse hoje à Agência Lusa um familiar.

O corpo, que deverá chegar a Portugal na madrugada de sexta-feira, ficará primeiro em câmara ardente na capela mortuária de Oliveira de Azeméis e o funeral está marcado para as 16:00 do mesmo dia nesta cidade, terra natal do engenheiro português.

O caixão já saiu chumbado da Alemanha, não será aberto e vai ficar em jazigo de família.

Quanto à causa da morte, "os primeiros resultados da autópsia não apontam para crime, a morte terá ocorrido por afogamento", disse o mesmo familiar à Lusa.

A mesma fonte acrescentou ainda que "as investigações ainda não estão concluídas e o caso permanece em segredo processual até se esclarecer tudo".

A família só recebeu informações relativas à autópsia via telefone e irá recebê-las posteriormente por escrito.

"Só após os exames complementares estarem concluídos se poderá esclarecer tudo, o que acontecerá num prazo de três a quatro semanas", acrescentou a mesma fonte.

Afonso Tiago desapareceu na madrugada de 10 de Janeiro, quando regressava a casa no bairro berlinense de Kreuzberg, a pé, depois de ter estado num bar com amigos portugueses.

O engenheiro, de 27 anos, estava há seis meses na capital alemã a estagiar na sucursal da empresa Active Space Tecnologies, de Coimbra, especializada em projectos espaciais, ao abrigo do programa Inove Contact do Ministério da Economia português.

A família e os amigos de Afonso Tiago distribuíram milhares de cartazes em Berlim para tentar encontrar o desaparecido, organizaram um blogue na Internet e uma petição ao Presidente da República Portuguesa, que recolheu mais de dez mil assinaturas.

A polícia judiciária de Berlim envolveu nas investigações consideráveis meios, mas até ao aparecimento do corpo no rio Spree, na sexta-feira, não tinha qualquer pista ou explicação para o caso.

De acordo com especialistas ouvidos pela Agência Lusa, o facto de o corpo ter permanecido tanto tempo - quase dois meses - sem ser encontrado no rio Spree, apesar das buscas policiais com barcos e mergulhadores, pode dever-se às baixas temperaturas das últimas semanas em Berlim, a rondar os zero graus centígrados.

Com tais condições atmosféricas, um corpo humano pode permanecer submerso, e o processo de decomposição retarda-se.

Assim, a subida das temperaturas na semana passada em Berlim, que derreteram totalmente a camada de gelo que cobria o rio Spree, permitiu que o corpo surgisse quase à superfície.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 12.03.09 17:50

Crise não vai afectar férias dos portugueses


Cerca de 55 por cento dos portugueses preferem Portugal como destino de férias em 2009, enquanto que 44,53 por cento escolheram o estrangeiro, destacando-se Espanha, Brasil e França como preferenciais, segundo um estudo apresentado esta quinta-feira.

"O estudo revela-nos que as pessoas vão viajar tanto ou mais do que em 2008 e que vão manter o consumo médio ou até aumentá-lo, preferindo destinos mais próximos em Portugal", disse Miguel Júdice, vice-presidente da Associação da Hotelaria de Portugal (AHP).

A AHP apresentou aos jornalistas os resultados do estudo TTT (Tourism Think Tank) "Viagens dos Portugueses em 2009", realizado em parceria com a MultiDados, e que antecipa as intenções de compra de viagens pelos portugueses este ano.

Algumas das conclusões do relatório final apontam Espanha como destino internacional preferido pelos portugueses para as suas viagens, com 8,56 por cento na primeira escolha, seguindo-se Brasil e França com 7,94 por cento e 4,94 por cento, respectivamente.

Outra parte do estudo aborda a opinião dos portugueses sobre a Hotelaria nacional concluído que os inquiridos defendema "boa qualidade de serviços e atendimento" (28,26 por cento), seguindo-se a "simpatia", "amabilidade", "agradável e atenciosa" com 12,79 por cento, refere a AHP.

O estudo identifica ainda algumas razões para que a compra de férias seja feira através das agências de viagens tradicionais, entre as quais está "o conhecimento de quem vende [que] transmite segurança a 13,6 por cento dos inquiridos".

O objectivo deste estudo destina-se à obtenção de indicadores sobre a perpectiva de viagens dos portugueses em 2009, tendo para isso sido inquiridas 3.293 pessoas de todas as idades e de ambos os sexos.

JN
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 13.03.09 10:25

Playboy portuguesa estará à venda dia 27 de Março




Os portugueses vão poder substituir as Playboy estrangeiras que têm debaixo do colchão por uma edição inteiramente portuguesa. A mundialmente conhecida revista norte-americana Playboy vai ter uma edição portuguesa. Chega às bancas a partir de 27 de Março.

Com uma tiragem de 82 mil exemplares, a Playboy terá um preço de capa de 3,95 euros, avança a edição de domingo do DN.

Citada pelo DN, Sónia São Mamede, directora de marketing da editora Fresta Corporation, afirma que a revista será “cem por cento portuguesa, não significando que nos 25 países onde está presente não haja artigos que interessem ao público português”.

A publicação destinada ao público masculino entrará em Portugal concorrendo com revistas do género como a Maxmen, FHM ou GQ. Questionada pelo DN face à concorrência, Sónia São Mamede declara: “acredito que há espaço para todos”. “Nós situamo-nos num target mais acima, de pós-adolescência, dos 30 aos 40 e tal anos”, afirma.

Alguns dos detalhes que vão moldar a revista fundada por Hugh Hefner ainda não foram desvendados, como, por exemplo, o director da publicação ou o segredo mais bem guardado, a menina da capa.

Seja quem for a menina que aparecer na capa da “Playboy” a 27 de Março, vai poder dizer que ocupou o mesmo lugar onde há 55 anos, na primeira edição, estava Marilyn Monroe.

Conteúdo diversificado

Mas nem só de beldades se faz a linha editorial da Playboy. Ao longo dos anos, a revista tem sido também referenciada pelas personagens que já entrevistou, como Martin Luther King, Frank Sinatra, Malcolm X ou Jimmy Carter, entre tantos outros.

Também em Portugal existe uma aposta em conteúdos diversificados. De acordo com informação referida pelo site da revista Meios & Publicidade (M&P), entre os colaboradores da revista, vão estar o humorista Nuno Markl, o escritor Pedro Paixão, o autor de banda desenhada Nuno Saraiva e Ana Anes (autora do livro Sete Anos de Mau Sexo).

Público
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 13.03.09 13:55

Funeral de Afonso Tiago com centenas de pessoas


Centenas de pessoas incorporaram-se hoje no funeral, para o cemitério de Oliveira de Azeméis, de Afonso Tiago, o português desaparecido em Berlim, a 10 Janeiro, cujo corpo foi encontrado na semana passada pelas autoridades alemãs e entregue à família.

A igreja matriz de Oliveira de Azeméis encheu-se para a missa de corpo presente, durante a qual o celebrante referiu que "a surpresa por vezes bate à porta e revela a fragilidade humana", considerando que "deve ser lição de humildade e de bondade".

Após o ofício religioso, o féretro foi carregado aos ombros por elementos dos Bombeiros Voluntários de Oliveira de Azeméis e acompanhado até ao cemitério local por centenas de pessoas, entre as quais vários antigos colegas de Afonso Tiago e amigos da família.

Afonso Tiago desapareceu na madrugada de 10 de Janeiro, quando regressava a casa no bairro berlinense de Kreuzberg, a pé, depois de ter estado num bar com amigos portugueses.

O engenheiro, de 27 anos, estava há seis meses na capital alemã a estagiar na sucursal da empresa Active Space Tecnologies, de Coimbra, especializada em projectos espaciais, ao abrigo do programa Inove Contact do Ministério da Economia português.

A família e os amigos de Afonso Tiago distribuíram então milhares de cartazes em Berlim para o tentar encontrar e chegaram a fazer uma petição ao Presidente da República Portuguesa, que recolheu mais de dez mil assinaturas.

A polícia judiciária de Berlim envolveu nas investigações consideráveis meios, vindo o corpo a aparecer no rio Spree, quase dois meses volvidos sobre o desaparecimento. De acordo com um familiar de Afonso Tiago, "os primeiros resultados da autópsia (realizada em Berlim) não apontam para crime e a morte terá ocorrido por afogamento". No entanto, só depois de concluídos os exames complementares será possível esclarecer o caso.

Lusa


Última edição por Johny89 em 18.03.09 17:20, editado 1 vez(es)
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Johny89 em 16.03.09 7:10

Relógios adiantam 60 minutos a 29 de Março



A hora de Verão vai chegar no último domingo de Março, dia 29, devendo os relógios em Portugal ser adiantados 60 minutos em todo o país, de acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa.

Em Portugal continental e na Região Autónoma da Madeira, os relógios devem ser adiantados 60 minutos às 01:00 de 29 de Março, passando para as 02:00.

A mudança ocorre mais cedo na Região Autónoma dos Açores, onde, às 00:00 de 29 de Março, os relógios deverão ser adiantados uma hora.

A próxima mudança de hora, para a hora de Inverno, vai ocorrer no último domingo de Outubro, ou seja dia 25.

Durante todo o período em que vigorar a hora de Verão, Portugal terá mais uma hora do que o tempo universal coordenado (UTC).

A mudança da hora prende-se com a necessidade de não haver desfasamento solar, aproveitando-se o melhor possível a luz nas diversas actividades.

Lusa
avatar
Johny89
Uma Lenda Viva

Número de Mensagens : 8173
Clube : FC Porto e FC Barcelona
Pontos : 2869
Data de inscrição : 04/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal Nacional

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 11 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum